COLUNAS AQUAFLUX
O olhar nostálgico de um aquarista

É bastante curioso quando paramos para ver fotos de antigas montagens de nossos aquários. Vejo peixes maravilhosos que tive a chance de cuidar, com troncos e plantas cuidadosamente escolhidos para dá a maior harmonia possível para seus habitantes e aos nossos olhos. Vejo a dedicação imposta em cada detalhe, assim como os erros cometidos que acabaram custando a vida de alguns de nossos moradores aquáticos... e assim caminha o nosso fascinante hobby.

Mas essas fotos revelam algo a mais, oculto em meio aos peixes coloridos. Temos um jovem estudante, que depois de uma série de desventuras acadêmicas e amorosas que permeiam o mundo juvenil, encontra em seu aquário um local de contemplação do seu interior. Temos um trabalhador, de após um exaustivo dia mecânico com trânsitos e planilhas, encontra em seus peixes um sua “cervejinha” do fim de noite, lembrado o quão orgânico é seu pequeno pedaço da natureza. Temos até mesmo a família, que não deixa de passar em frente a essa pequena caixa de vidro e se espantar com um novo detalhe encontrado em meio aos troncos, algo cuidadosamente planejado por aquele pai ou mãe que tem como hobby a criação de uma segunda família subaquática.

E o que todos têm em comum? São artistas! E como todo bom artista, sentem a necessidade de expor sua arte para o mundo. Nascem os perfis nos fóruns, brotam as conversas, os encontros e as amizades. Compartilhamos nossas dúvidas, nossos medos e por que não nossos sonhos? Afinal, todos nós queremos aquele belo carpete de Eleocharis ou aquele fabuloso Disco Red Malboro. Simpatizamos com pessoas que nunca vimos na vida e nos fascinamos por todo aquele universo que elas são capazes de criar. Todos aqueles pequenos momentos registrados em foto, com o conhecimento adquirido marcados na saúde de nossos peixes.

Mas quando nos damos conta, anos se passam. Pessoas vem e vão desse universo, algumas afastadas pelas tribulações dos cotidianos, outras por perderem seus sonhos na esquina de alguma cidade e outras por serem escolhidas para morar no grande aquário azul que paira sobre nós. Mas de alguma forma, elas estão lá, marcadas para sempre na forma de um texto sobre tratamento de troncos e reprodução bettas. Vemos até mesmo nosso reflexo de dias passados, mostrando nossos erros, nossos planos e até a pessoa que fomos.

No fim, cada montagem guarda um pouco de nós e nos acompanha no momento de alegria e tristeza. E até para aqueles que não mais pertencem a esse universo e perderam a paixão, o aquarismo continua guardado em seus coração, não só por conseguirem manter um peixe, mas por terem conseguido transpor uma parte delas para algo além de suas próprias vidas.


Autor: Daniel Lima (21/06/2016)
Esta coluna foi lida 1902 vezes.
Gostou desta coluna e deseja publicar em seu website, blog ou outro meio de divulgação?
Entre em contato com nossa equipe e solicite uma autorização.

O aquarismo não é uma ciência exata, portanto estamos sempre abertos a comentários, adições e alterações, fique à vontade para nos ajudar a divulgar e ampliar o hobby.

Aquaflux Aquarismo e Aquapaisagismo © 2008 / 2015
Desenvolvido pela Adivision Websolutions
Aquariumrank.com - Ranking the Top Aquarium Sites on the Internet